Ele tinha uma força interior

de fazer inveja ao sofredor

Onde ele chegava, podes crer,

era amigo prá valer.

 

Era um sujeito fenomenal,

me dava tudo que precisava

muito carinho, paz e amor.

 

Era um coroa alto astral,

Mesmo na dor, não reclamava,

pois sempre me dava uma flor.

Era simples, por onde passava

deixava rastros de risos e amor.

 

Com seu jeito de ser me ensinou

a ser menos teimosa e ser esta

mulher amorosa, que neste dia

vem prestar esta homenagem ao

homem que me gerou!

 

Hei de te encontrar em algum lugar...

Saudades de ti meu velho pai!

 

 

09/08/2009

 

O envio que chega rapidinho !!!

| Home Voltar |
|
Fale comigo |
Adicione este site aos seus Favoritos

Desde 10.10.2007,
você é o visitante nº


Direitos autorais registrados®
Direitos autorais protegidos pela Lei 9.610 de 19.02.1998.